Pesquisa Eleitoral em Diadema

16/out/2020

José de Filippi lidera a disputa eleitoral para a prefeitura
O governo de Lauro Michels é avaliado negativamente pela maioria dos eleitores da cidade.

Na preferência espontânea, quando os nomes dos candidatos não são apresentados aos entrevistados, a maioria (52,0%) não soube responder. 16,3% citaram o nome de Filippi, seguido de Pretinho com 7,0%, Taka com 1,8%, Ricardo Yoshio com 1,5% e Ronaldo Lacerda com 1,0%. Outros nomes foram citados por menos de 1,0% cada. 17,0% declararam que pretendem anular o voto ou votar em branco.

Na intenção de voto estimulada, Filippi também lidera. O candidato petista alcançou 31%, Revelino Almeida (Pretinho), 11%, Ricardo Yoshio, 6%, Ronaldo Lacerda e Taka Yamauchi com 5% cada e Marcos Michels com 3%. Denise Ventrici, Dr. Airton, Professor Ivanci e Rafaela Boani foram citados por 1% cada um. Gesiel Duarte, Jhonny Rich e Arquiteto David foram citados por menos de 1%.

19% disseram que votariam em branco ou nulo e 18% não souberam responder.

Filippi lidera em todas as faixas de idade, escolaridade e renda. Destaque para os mais velhos, onde o petista alcança 43%, entre aqueles com ensino fundamental (36%) e renda mais alta (35%).

Questionados sobre a intenção de comparecer ao local de votação no dia 15 de novembro, a grande maioria (86%) disse que pretende comparecer. Apenas 8% disse que não pretende comparecer para votar.

A avaliação do Governo Municipal

A avaliação do governo Lauro é majoritariamente negativa: 52% o avaliam como ruim e péssimo, 32% avaliam como regular e apenas 11% avaliam seu governo positivamente (ótimo+bom)

 

DADOS DA PESQUISA

Nome da pesquisa
Pesquisa Eleitoral em Diadema/SP

Local
Diadema/SP.

Margem de erro
5 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

Período
10 e 11 de outubro de 2020

Amostra
400 pessoas, moradores/ eleitores da cidade de Diadema/SP com 16 anos ou mais.

Registro no TSE
A pesquisa foi registrada no TSE sob o número Nº SP-03378/2020.

Obs.: As perguntas cujas somas das porcentagens não totalizam 100% são decorrentes de arredondamentos

 Pesquisa ABC Dados_Diadema_2020_10_imprensa